.

.

,

,

.

.
Mostrando postagens com marcador ESPORTE. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador ESPORTE. Mostrar todas as postagens

TRÊS COMPETIÇÕES REALIZADAS PELA SECRETARIA DE ESPORTES DE PARNAIBA.

Secretário Maksuel Brandão mesmo sendo boicotado dentro Assessoria de imprensa da Prefeitura continua realizando feitos para o nosso esporte local, três Competições estão em andamento paralelamente acontecem em nossa Cidade.: Ruralzão envolvendo mais de 400 atletas e dirigentes da zona rural de Parnaíba competição coordenada por Maksuel e sua equipe pessoal ,equipe essa que ele ainda não conseguiu nomear já passados 10 meses de gestão.
COPA SEMEL SUB 14 DE FUTEBOL, contemplando com essa competição mais de 15 escolinhas de futebol da Cidade.coordenada no peito e na raça sem remuneração por Fabinho Beviláqua e Marcos Jonys que acompanham Maksuel desde a campanha.












E mais a Copa do Servidor Municipal, competição que envolve os servidores municipais também coordenada pela equipe pessoal do Secretário.






isso mostra o o comprometimento com o esporte de Parnaíba, talvez seja uma das pastas que mais produzem com êxito na gestão municipal. porem precisa de mais apoio.

TJD suspende as finais da Copa Piauí Sub-21 em 2017

O Tribunal de Justiça Desportiva do Piauí (TJD/PI) suspendeu duas partidas da final da Copa Piauí Sub-21 de 2017. O despacho do Procurador Geral de Justiça Desportiva, Raimundo Nonato Barbosa, foi assinado no dia 09 de outubro.
A decisão do tribunal foi motivada por uma infração cometida pelo Parnahyba. O time teria feito uma escalação irregular do atacante Felipe Garcês. Ele estaria regular por ter apenas 17 anos, sendo que o regulamento do campeonato limitou a inscrição para nascidos entre 96 a 99.
Outro atleta do Parnahyba também estaria irregular na competição. O Flamengo do Piauí foi outro time que registrou escalação dos Kleison Francisco Soares Sousa e Thiago Gomes da Silva, atletas irregulares no campeonato.

Fonte:Viagora

Brasil bate o Equador por 2 a 0 e ganha título simbólico

A Seleção Brasileira pode comemorar o título simbólico de campeã das Eliminatórias da América do Sul para a Copa do Mundo da Rússia . Com gols de Paulinho e Philippe Coutinho, a equipe de Tite superou o Equador por 2 a 0 na noite desta quinta-feira (31), na Arena Grêmio , e garantiu a primeira colocação no continente, com 36 pontos. Os adversários ficam em 7º, com 20.

O jogo apresentou uma dificuldade inicial para os brasileiros, especialmente pela retranca e cera dos equatorianos, mas teve uma mudança no ritmo assim que Philippe Coutinho entrou no lugar de Renato Augusto no segundo tempo. . O resultado mantém 100% do técnico Tite, que tem nove vitórias em nove jogos na competição.
Paulinho aproveitou uma sobra após escanteio para abrir o placar. O segundo gol veio após chapéu dentro da pequena área de Gabriel Jesus. e belíssimo passe para Coutinho, que bateu de primeira. Vale destacar que o meio-campista chegou à concentração da seleção com dores nas costas que o impediam de atuar pelo Liverpool.

Com os três pontos garantidos no "primeiro teste de Copa", como disse Tite, a seleção agora se reúne novamente para encarar a Colômbia, na terça-feira, às 17h30, pela 16ªA seleção brasileira não conseguiu desempenhar um bom futebol no primeiro tempo, e o estilo de jogo do Equador tem ligação direta com isso. Com linhas bem próximas e marcação homem a homem, os visitantes não permitiram que o Brasil desempenhasse seu futebol que tem encantado desde a chegada de Tite. Mais do que isso, os equatorianos não esconderam que acham o empate um bom resultado e fizeram bastante cera. A única chance veio com Gabriel Jesus, com chute pela direita que parou no goleiro adversário. 

Depois do hino nacional, ninguém sentou-se nas cadeiras da Arena do Grêmio. A torcida cantou o hino do Rio Grande do Sul. A exemplo do que ocorre nos jogos da dupla Gre-Nal, o cântico foi entoado com orgulho pelos presentes. E o apreço comum no Estado pelo 'que é seu' fez a torcida esquecer-se de Coutinho e ao pedir trocas clamar por Luan. Os gritos começaram aos 32, com o time de Tite preso na marcação do Equador. Ao fim da primeira etapa, vaias ditaram o clima. A reclamação virou festa com a entrada do gremista aos 38 minutos do 2º tempo, quando o placar já marcava 2 a 0


Neymar foi bastante caçado pelos equatorianos e chegou a sofrer uma entrada criminosa de Fidel Martinez que poderia render uma expulsão ao equatoriano. O juiz preferiu aplicar apenas o amarelo e esse foi um dos motivos que irritou bastante o camisa 10 da Seleção. O jogador do PSG, aliás, demonstrou estar bastante irritado desde o primeiro lance do jogo, quando fez uma falta. Além disso, carregou demais a bola e não conseguiu ser efetivo. rodada das Eliminatórias.

A seleção brasileira já foi punida pela Fifa em três ocasiões e pode ser mais uma vez por causa do jogo desta quinta. A torcida repetiu os gritos homofóbicos de "bicha" quando o goleiro adversário ia bater os tiros de meta.. Além de multa em dinheiro, a entidade que cuida do futebol pode aplicar suspensão do estádio em que a infração acontece..

Assim como havia acontecido no primeiro tempo, Gabriel Jesus foi o autor da melhor chance da seleção brasileira. Em toque de Renato Augusto, o atacante deu cabeçada, mas parou em Banguera. No mesmo momento, Tite já havia mandado Philippe Coutinho para a beira do gramado para entrar no lugar de Renato Augusto. A torcida comemorou o fato de ver os donos da casa irem para cima dos rivais. 

A torcida começava a demonstrar sinais de irritação com o jogo. O Brasil tinha mais posse de bola, mas não conseguia levar perigo ao adversário. Até que, em um escanteio, a bola sobrou nos pés de Paulinho, que não pensou duas vezes para encher a bomba e vencer o goleiro equatoriano.

Depois de sofrer o gol, o Equador ameaçou vir para cima, fez substituições e sofreu com a seleção brasileira. Coutinho achou belo passe para Gabriel Jesus, que deu chapéu no zagueiro dentro da pequena área e tocou de cabeça de volta para Coutinho. O jogador do Liverpool chutou de primeira e ampliou o placar. 

Pendurado pelo acúmulo de cartões amarelos, Marcelo não vai encarar a Colômbia. O lateral esquerda, que foi capitão nesta quinta, foi advertido pelo árbitro Mario Diaz e não poderá jogar a próxima rodada. Filipe Luis terá a chance.

FICHA TÉCNICA BRASIL 2 x 0 EQUADOR

Data e hora: 31 de agosto de 2017 (quinta-feira), às 21h45 (horário de Brasília)

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Público presente: 36.869


Renda: R$ 7.886.450,00

Árbitro: Mario Diaz de Vivar (Paraguai)

Auxiliares: Milciades Saldivar e Rodney Aquino (Paraguai).


Cartão amarelo: Neymar, Jesus e Marcelo (BRA); Fidel Martinez e Velasco (EQU)

Gols: Paulinho, aos 23 minutos do 2º tempo, e Philippe Coutinho, aos 30 minutos do 2º tempo.

Brasil

Alisson; Daniel Alves, Marquinhos, Miranda (Thiago Silva) e Marcelo; Casemiro; Paulinho, Renato Augusto (Coutinho), Willian e Neymar; Gabriel Jesus Técnico: Tite.

Equador

Banguera; Velasco, Arboleda, Achilier e Cristian Ramírez; Quiñónez, Noboa, Valencia, Gaibor e Fidel Martínez; Énner Valencia Técnico: Gustavo Quinteros.

Fonte:UOL

Fonte: Uol

Viagem para Recife-PE Parnaíba Rugby

O Parnaíba Rugby é hoje uma das equipes de maior crescimento no cenário regional. Nos últimos três anos o time vem se mantendo entre os quatro melhores do nordeste na modalidade Rugby XV, este ano jogará sua segunda final no dia 19 de agosto, e para que nossa equipe possa se deslocar por cerca de 2600km (ida e volta) até Recife-PE, onde vai ocorrer a partida que irá consagrar o grande campeão do NE Super Rugby XV e por tanto também o representante nordestino na “serie B” do Brasileiro da modalidade , contamos com o seu apoio em qualquer quantia, serão 3 dias de viagem dos nossos 30 atletas, infelizmente o clube não tem condições de arcar com as despesas com ônibus, motorista, estadia e alimentação que fica em torno de R$10.000. por isso estamos pedindo sua ajuda, o Parnaíba Rugby precisa de sua colaboração para ir em busca desse sonho, doações de qualquer valor serão de grande ajuda.

Fonte:vakinha

Parnaíba Rugby vence e está na final da Copa Nordeste Super VX de Rugby

A partida foi acirrada, porém foi dominada de ponta a ponta pelo o time parnaibano que venceu e garantiu vaga na grane final da Copa Nordeste Super VX de Rugby. Os atletas parnaibanos entraram com foco e objetivo e conseguiram lograr êxito. O jogo foi contra o time do Delta Rugby de Teresina.
Bem organizado em campo e com jogadas estratégicas o time parnaibano venceu a partida por 24 a 00 e consolidou o favoritismo. Com a vitória o Parnaíba vai até Recife-PE disputar a grande final. A torcida parnaibana compareceu e está a cada partida apreciando ainda mais o esporte. 
O treinador do time, Gerivaldo Benício, destacou pontos importantes da vitória e disse que a meta é o titulo, e que os atletas estão preparados para o último confronto. Segundo ele, o time do Parnaíba mostrou na partida do último sábado (22) que está mais do que preparado para alcançar o titulo. 
“Nossos atletas jogaram muito, fizeram tudo correto e conseguiram lograr êxito. O jogo foi duro, além da técnica nossos meninos usaram raça e garra. Parabéns a todos que se empenharam, obrigado a nossa torcida que também veio nos prestigiar e agora vamos iniciar a preparação para a final, vamos com tudo” disse Gerivaldo.

Fonte:Simnotícia

Cruzeiro vence o Palmeiras e freia arrancada do rival na disputa

Aos 18 minutos do primeiro tempo, Róger Guedes recebeu de Tchê Tchê na direita e partiu para cima de Murilo. O jogador do Cruzeiro se enroscou com o do Palmeiras, que invadia a área. Para o comentarista de arbitragem Paulo Cesar Oliveira, pênalti que o árbitro Péricles Bassols não marcou. Veja o lance:

Cuca mudou o time no intervalo ao colocar Keno na vaga de Mayke – Tchê Tchê foi para a direita. A equipe melhorou, mas continuou criando poucas situações de gol. O Palmeiras conseguiu diminuir aos 16 minutos, quando Willian concluiu de cabeça em cruzamento na medida de Róger Guedes. Com a vantagem, o Cruzeiro tratou de se fechar e apostar em contra-ataques. No fim, aos 46 minutos, matou o jogo quando Élber partiu, bateu em cima de Prass, mas aproveitou o rebote para fazer o terceiro.


O Palmeiras não se intimidou com a condição de visitante no Mineirão e controlou as ações do jogo nos primeiros 30 minutos de partida. Teve chances para abrir o placar e reclamou de um pênalti sofrido por Róger Guedes que foi ignorado pela arbitragem. Apesar disso, quem marcou foi o Cruzeiro: aos 31 minutos, Alison encontrou Thiago Neves que, quase sem ângulo, finalizou na saída de Prass e fez o primeiro. Antes do intervalo, Hudson aumentou ao desviar chute de Lucas Romero e enganar o goleiro palmeirense.

Na próxima rodada, o Cruzeiro enfrenta o Atlético-PR, em Curitiba, às 21h45. No mesmo dia e horário, o Palmeiras tenta interromper a invencibilidade do líder Corinthians em clássico que será disputado no estádio alviverde.

O Cruzeiro venceu o Palmeiras por 3 a 1 no Mineirão, neste domingo, aliviou a pressão sobre o técnico Mano Menezes e voltou a figurar entre as equipes candidatas a brigar por uma vaga na Libertadores do ano que vem. Para os paulistas, a derrota é um freio na arrancada de quatro vitórias seguidas no Brasileirão.

Fonte: Com informações do Globoesporte.com

Ingressos para jogo do Parnahyba estão a venda por R$ 10

Pela Série “D” do Campeonato Brasileiro, a venda de ingressos do jogo do Parnahyba Sport Clube contra o time do Globo, do Rio Grande do Norte, já está disponível.

Antecipadamente o ingresso custará R$ 10,00 (dez reais). Já no dia do jogo, domingo, 9 de julho, o ingresso custará R$ 20,00 (vinte reais).

O Parnahyba treina hoje, no CT do Petrônio Portela, às 15h30 e na quinta e sexta, no Estádio Pedro Alelaf, no mesmo horário.

A novidade para a partida do domingo às 16h, será o meia, atacante Jefferson Maranhense, recém contratado, mas que já estará regularizado para a partida, segundo informações da presidência do Tubarão do Litoral.

Com as Informações do Portal Costa Norte

Flamengo vence e coloca o São Paulo no Z-4 do campeonato

O São Paulo está na zona de rebaixamento. Neste domingo o Flamengo não deu chances ao Tricolor paulista na Ilha do Urubu e confirmou o favoritismo diante dos rivais, que acabaram caindo para a 17ª colocação ao serem derrotados por 2 a 0. Embalados na nova casa - o time ainda não perdeu no estádio Luso Brasileiro -, os rubro-negros mais uma vez mostraram um bom futebol e contaram com dois golaços, um de Guerrero e outro de Diego, para somar três pontos e reassumir a terceira colocação do Campeonato Brasileiro.

Com um elenco cada vez mais enxuto, o São Paulo sofreu novamente e segue sem perspectiva de melhora. Embora tenha dificultado a vida do Flamengo no início de jogo, o time se abalou com o primeiro gol dos rivais e daí em diante pouco assustou o goleiro Thiago.

Já o Flamengo segue demonstrando que deverá brigar pelo título do Brasileirão novamente. Após bater na trave no ano passado, o time de Zé Ricardo se reencontrou na Ilha do Urubu e não perde há seis rodadas. Fora da Libertadores, o renomado elenco rubro-negro deverá se dividir entre a Copa do Brasil e o Nacional, ainda que também dispute a Sul-Americana.

O jogo - Flamengo e São Paulo fizeram um início de jogo bastante equilibrado. Detendo mais a posse de bola, os donos da casa trocaram passes na tentativa de achar algum espaço de infiltração, no entanto, a zaga tricolor conseguiu segurar o ímpeto dos adversários nos primeiros minutos.

A partida seguia um tanto quanto truncada e sem muitas chances claras de gol até a etapa inicial se aproximar do fim. Em cobrança de falta na entrada da área aos 37 minutos, Guerrero colocou a bola no ângulo esquerdo de Renan Ribeiro e abriu o placar para os rubro-negros na Ilha do Urubu.

Se o Flamengo não havia se aproximado de balançar as redes antes da cobrança de falta do atacante peruano, com a vantagem no marcador passou a ser mais contundente. Aos 41 minutos, após uma grande troca de passes, Diego recebe de Éverton Ribeiro dentro da área e bate com a parte externa do pé para marcar um golaço e ampliar.

Antes do apito final o São Paulo ainda teve uma boa chance de descontar em infiltração de Marcinho, que recebeu bom passe de Lucas Pratto já dentro da área, mas acabou travado pelo zagueiro Rhodolfo na hora da finalização.

Diante da necessidade de ser mais ofensivo para correr atrás do prejuízo do primeiro tempo, o técnico Rogério Ceni voltou para a etapa complementar com o atacante Denilson no lugar de Wesley. Do outro lado, mais tranquilos com a vantagem, os jogadores do Flamengo esperaram o momento certo para atacar, explorando os espaços deixados pelos visitantes.

Aos 19 minutos Diego invadiu a área, bateu firme para o gol, mas Renan Ribeiro fez grande defesa. Na sobra, Guerrero finalizou duas vezes, porém, Rodrigo Caio bloqueou a primeira tentativa e amorteceu a segunda para o goleiro tricolor ficar com a bola. Dois minutos depois, o São Paulo respondeu. Em nova enfiada de Pratto, Cueva recebeu dentro da área e tirou do goleito Thiago, entretanto, Réver estava em cima da linha para evitar o primeiro gol tricolor na partida.

Nos minutos finais o São Paulo ainda se jogou para o ataque na tentativa de, ao menos, fazer um gol de honra. Mantendo a estratégia, o Flamengo, por sua vez, tentava matar a partida através da saída em velocidade. Aos 47 minutos, Denilson levou para a linha de fundo e cruzou na cabeça de Wellington Nem, que acabou cabeceando para fora. Desperdiçando a última grande chance da partida, o Tricolor teve de sair de campo contentado com o 2 a 0 construído no primeiro tempo e com o posto de novo integrante da zona de rebaixamento do Brasileirão.

Fonte: Terra

Palmeiras supera o Bahia em Salvador e se afasta do rebaixamento

Em jogo bastante parelho, o Palmeiras se recuperou no Campeonato Brasileironeste domingo, ao bater o Bahia por 4 a 2, na Fonte Nova, em Salvador. O atual campeão conseguiu suportar a pressão do time da casa e o empate sofrido antes do intervalo para deixar no passado o revés sofrido contra o Santos na rodada passada.

Roger Guedes, de pênalti, Keno, em um golaço, Mina e William, no fim, fizeram os tentos alviverdes, enquanto Vinicius e João Paulo balançaram as redes para o time nordestino.

O resultado afastou o Palmeiras da zona do rebaixamento da Série A. O clube paulista chegou aos 10 pontos, na 13ª colocação do torneio e a 10 do líder Corinthians.
Palmeiras venceu jogo duro contra o Bahia neste domingo (Crédito: Reprodução)
Palmeiras venceu jogo duro contra o Bahia neste domingo (Crédito: Reprodução)
O Bahia, por sua vez, estacionou nos mesmos 10 pontos do Palmeiras, mas possui mais gols marcados e, portanto, ocupa o 12º posto do Campeonato Brasileiro.

O time de Salvador volta a campo na quinta-feira, quando vai a São Paulo enfrentar o líder Corinthians, que ainda está invicto na competição.

Já o Palmeiras vai tentar seguir em recuperação no Brasileirão diante do Atlético-GO, na quarta-feira, no Allianz Parque.

Fonte: Com informações da Espn

Vitória sai atrás, arranca empate com o Botafogo, mas segue no Z-4

Após um início a todo vapor, com direito a bola na trave aos quatro minutos de jogo, o Vitória voltou a cometer erros defensivos e individuais e levou dois gols do Botafogo. Porém, na raça, o Rubro-Negro buscou o empate no segundo tempo e arrancou um 2 a 2 no Barradão.

Bruno Silva marcou os dois gols do Alvinegro. Gabriel Xavier e Kieza marcaram para o time baiano.

Apesar de menos prejudicial que a derrota, o empate não foi um bom resultado. O Leão somou apenas um ponto, foi aos cinco e permaneceu na zona de rebaixamento da Série A.

Na 18ª colocação, os comandados de Alexandre Gallo voltam a campo no próximo domingo (18), diante do Sport, na Ilha do Retiro.
 
 
O JOGO

O Vitória começou o primeiro tempo empolgando a torcida. Logo aos dois minutos, David fez jogada individual, driblou dois marcadores e chutou no gol. A bola bateu na trave.

Mas, logo em seguida os erros defensivos do Rubro-negro começaram a reaparecer. Aos 15 minutos, Pimpão se antecipou a Kanu e desviou cruzamento. A bola raspou a trave.

Aos 27, Thallyson tentou recuar bola de peito para Fernando Miguel e acabou ajeitando para Bruno Silva. O meia tentou o chute, mas errou o alvo e desperdiçou.

Mas, dois minutos depois, Bruno Silva não desperdiçou mais uma falha de Thallyson. O lateral furou a bola na área e Bruno Silva, dessa vez, acertou o chute na rede de Fernando Miguel para abrir o placar.

Aos 41 o Botafogo ainda fez mais um, desta vez em falha dupla, de Fernando Miguel e Thallyson. O goleiro espalmou cruzamento na cabeça de Bruno Silva. O lateral, que marcava o meia, assistiu ele apenas mandar para a rede para fazer o segundo.

Apesar do primeiro tempo ruim da equipe, o técnico Alexandre Gallo manteve a mesma escalação do time na volta para a segunda etapa. Mas, mesmo assim, o Rubro-Negro conseguiu marcar aos quatro minutos. 

David fez boa jogada pela esquerda e cruzou rasteiro na área. Gabriel Xavier ganhou dividida com o zagueiro e tocou no canto para diminuir o placar.

Logo em seguida, Gallo fez sua primeira mudança. O técnico tirou Uillian Correia e promoveu a estreia de Yago.

Aos 30, o Leão chegou ao empate na luta. Gabriel Xavier levantou bola na área, André Lima disputou com o zagueiro e a redonda sobrou para Kieza, que livre de marcação mandou nas redes.

No último minuto de jogo, o Vitória ainda perdeu um jogador. Por reclamação, Gabriel Xavier recebeu o vermelho direto e foi expulso de campo.

Vitória 2 x 2 Botafogo
Brasileirão Série A – 7ª rodada

Local: Barradão, em Salvador (BA)
Data/Horário: 14/06/2017, às 19h30
Árbitro: Anderson Daronco (RS-Fifa). Assistentes: Rafael Silva Alves (RS) e Elio Nepomuceno de Andrade Júnior (RS)
Cartões amarelos: Kanu (VIT); Bruno Silva (BOT)
Cartões vermelhos: Gabriel Xavier (VIT)
Gols: Bruno Silva-2 (BOT); Gabriel Xavier, Kieza (VIT)

Vitória
Fernando Miguel; Patric, Fred, Kanu e Thallysson; Uillian Correia (Yago), Fillipe Soutto e Gabriel Xavier; David (André Lima), Neilton e Kieza (Cleiton Xavier). Técnico: Alexandre Gallo.

Botafogo
Gatito Fernández, Arnaldo, Joel Carli, Igor Rabello e Victor Luis; Rodrigo Lindoso (Montillo), Bruno Silva (Dudu Cearense), João Paulo e Matheus Fernandes (Gilson); Rodrigo Pimpão e Roger. Técnico: Jair Ventura.

Bocãonews

Parnahyba recebe o Guarani em jogo decisivo pelo Brasileirão

Estádio Municipal Pedro Alelaf em Parnaíba

O Parnahyba volta a enfrentar Guarani de Juazeiro neste domingo, às 16h, desta vez no Estádio Pedro Alelaf, na cidade de Parnaíba. A partida é válida pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro da Série D.
Os ingressos para a partida estão sendo comercializados a preço único de R$ 10,00. O sócio torcedor do Parnahyba com o pagamento em dia tem acesso garantido ao jogo.
Atualmente na terceira posição do grupo A6 com três pontos, atrás de América-PE e Guarani, o time do Litoral tem a obrigação de vencer em casa para se manter vivo na competição, já que na última partida perdeu por 1 a 0 na cidade de Juazeiro-CE, contra o próprio Guarani. Além do Guarani, o Parnahyba enfrenta ainda o América-PE no Pedro Alelaf na semana seguinte. Na última rodada, o Tubarão joga contra o Globo-RN.

Jornal da Parnaíba com informações do Cidade Net

Palmeiras domina Atlético-MG, mas perde pênalti e fica no 0 a 0

O Palmeiras dominou e comandou todas as ações no jogo diante do Atlético-MGneste domingo (4). Com um time modificado, a equipe paulista quase não viu Fernando Prass trabalhar, mas desperdiçou todas as chances criadas, inclusive um pênalti cobrado por Willian, e não conseguiu sair do 0 a 0 na 4ª rodada do Brasileirão.

Com a nova formação de Cuca, sem Felipe Melo e Jean, o dono da casa teve bem mais fluidez no meio-campo e dominou completamente a partida, mas abusou das chances perdidas, inclusive desperdiçando um pênalti: Willian parou em Victor. A equipe paulista ainda teve boas oportunidades com Keno, que parou no travessão, e Borja, que parou na defesa adversária.

Com o resultado, o alviverde chega a seu quarto ponto, enquanto que os atleticanos vão para o terceiro. Na próxima rodada, o Palmeiras encara o Coritiba, no Couto Pereira, às 19h30 de quarta-feira. No mesmo dia e horário, o Atlético-MG encara o Avaí às 19h30, em Belo Horizonte.
Image title
Fonte: Com informações da UOL

Após ser poupado, Paolo Guerrero está de volta ao Fla

O Flamengo terá um importante reforço para o decisivo jogo desta quarta-feira com o Atlético-GO. Poupado na partida de sábado, diante do mesmo adversário, pelo Campeonato Brasileiro, o peruano Paolo Guerrero está bem e vai voltar ao time.

Para chegar às quartas de final da Copa do Brasil, o Flamengo precisa bater o Dragão ou empatar com gols. O jogo de ida, no Maracanã, terminou 0 a 0. Um novo empate sem gols leva a decisão aos pênaltis.

Para Leandro Damião, é hora de esquecer a eliminação na Libertadores: "Ficar chorando não vai adiantar".

Para o jogo de quarta, o técnico Zé Ricardo tem dois problemas: o meia-atacante Everton levou um pisão no tornozelo direito e dificilmente estará em campo. Quem também pode ser desfalque é Gabriel, que sofreu uma pancada nas costelas e está com muitas dores.

Fonte: iG

Parnahyba vence Globo-RN na estreia na Série D do Brasileirão 2017


Nesse domingo (21/05) o Parnahyba Sport Club estreou no Campeonato Brasileiro da Série D 2017. O Tubarão jogou diante da sua torcida contra a equipe do Globo Futebol Clube, do Rio Grande do Norte, e venceu por 2 a 0, gols de Daivison e Jânio Daniel.

O Parnahyba entrou em campo com: Alex; Tiago Granja, Gilmar Bahia, Renan e Siderval; Luciano, Ramon e Dunga; Daivison, Vitinho e Jânio. E não demorou muito para o placar ser aberto no Pedro Alelaf. Aos 16 minutos, após escanteio cobrado por Vitinho, Davison abriu o placar em ótima cabeçada.

Logo após o primeiro gol azulino, o tubarão continuava a mandar nas ações da partida, e após ótima jogada pela direita e bola cruzada na área, Dunga sofre pênalti. Jânio bate e amplia para o Parnahyba, 2x0.


No segundo tempo, as equipes vieram muito mais equilibradas proporcionando um jogo truncado e com muitas faltas. O Parnahyba continuava a perder grandes chances de gol, a principal delas com Vitinho, depois de ótima jogada de triangulação do setor ofensivo azulino. E assim termina a estréia do Tubarão na Série D, Parnahyba 2 x 0 Globo.

Pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro Série D 2017, o Parnahyba viaja até Paulista-PE, onde enfrenta a equipe do América Futebol Clube, às 16h de domingo (28/05).
Por Thiago Mont' Alverne / Ascom 
Fotos: Didu Mazullo

Sub-17 do Vasco sofre acidente de ônibus, que deixa três jogadores feridos

Um grave acidente assustou o time sub-17 do Vasco na tarde deste sábado (13). Após um jogo contra o Friburguense na região serrana do Rio de Janeiro, o ônibus que levava os atletas de volta para a capital virou em uma das curvas.  
Fonte: UOL

Ex-Flamengo-PI, Celso Teixeira será o novo técnico do River

Depois de treinar o Flamengo no Campeonato Piauiense e comandar o Treze (PB) na conquista do vice-campeonato paraibano, Celso Teixeira será o novo técnico do River. 

A informação foi confirmada ao Cidadeverde.com pelo diretor de futebol do clube tricolor, Robert Ibiapina. O River acertou com o treinador ainda na quinta-feira, depois da demissão de Eduardo Hungaro, mas mantinha isso sob sigilo aguardando a saída de Celso Teixeira do Treze ser concluída. Porém, a notícia vazou nesta sexta-feira (12) em um site nacional. 

O River aguarda Celso Teixeira resolver sua situação junto ao Treze para agilizar a chegada do treinador ainda neste fim de semana. No domingo (21), o Galo estreia na Série D do Brasileirão contra o Guarany de Sobral (CE), em Teresina (PI). 

Será o terceiro técnico do River na temporada. O time começou o ano com Waldemar Lemos, que saiu em fevereiro. Eduardo Hungaro, seu substituto, foi demitido após a derrota por 3 a 1 para o Altos, na final do 2º Turno. 

Mudanças no elenco
Além do treinador, a diretoria se movimenta por mudanças no elenco.

O River deve dispensar jogadores do plantel atual, mas vai conversar primeiro com os atletas.

Enquanto isso, outros nomes são negociados. 

Capela, meia do Flamengo no Estadual 2017, já foi sondado. Sete nomes estariam nas mãos da diretoria tricolor para negociações, mas nenhum ainda foi fechado.

Cidade Verde

Verdão envia advogado à Conmebol com defesa pela briga no Uruguai

Após vencer o Peñarol dentro de campo, o Palmeiras tentará bater o time uruguaio no julgamento que ocorrerá na Conmebol sobre a briga generalizada no Estádio Camepeón del Siglo, em Monetvidéu. Para isso, o Verdão enviou na manhã desta sexta-feira o advogado Leonardo Holanda para Assunção, no Paraguai, onde fica a sede da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol).

O advogado entregará pessoalmente um vídeo em câmera aberta que mostra o início da confusão contra o Peñarol, algo que as imagens de televisão não captaram. A filmagem é do departamento de análise de desempenho do clube, que faz esse tipo de imagem para poder analisar melhor a partida após o seu termino.

Na filmagem, é possível ver que Willian leva um soco na cabeça, por trás, ainda quando os uruguaios se prepararam para cobrar escanteio. Após o apito final, Felipe Melo é cercado por diversos uruguaios e levanta os braços mostrando que não quer confusão.

O volante tentou se afastar da briga, correndo de costas, mas os adversários continuaram partindo para cima do camisa 30. Foi aí que Felipe Melo reagiu e deu um soco em Matías Mier, camisa 10 do Peñarol e que estava no banco de reservas ao final do jogo.

Além disso, as imagens ainda mostram que Fernando Prass também foi cercado por três atletas uruguaios, sendo agredido por dois destes ao mesmo tempo, sem reagir.

Além do vídeo em plano aberto, o material coletado pelo Palmeiras conta com imagens televisivas mais fechadas, e depoimentos de quem presenciou a confusão. O Verdão fala em “emboscada” e ato de violência planejado pelos uruguaios, uma vez que o portão para o vestiário foi fechado e precisou ser arrombado pelos seguranças alviverdes.

gazetaesportiva

Ponte Preta atropela o Palmeiras na etapa inicial e abre vantagem

A Ponte Preta entrou em campo como se a vida de todos os seus jogadores estivesse em jogo. O Palmeiras parecia pesado por conta de um almoço de Páscoa em família. Resultado: um atropelamento. No primeiro duelo válido pelas semifinais do Paulistão, na tarde deste domingo, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, a Ponte venceu o Palmeiras por 3 a 0 e abriu larga vantagem no confronto. Todos os gols foram marcados no primeiro tempo: Pottker logo com 40 segundos, depois Lucca aos 7 minutos e Jeferson aos 33. O atropelamento foi tão intenso que Felipe Melo chegou a dizer que a Ponte "comeu" o Palmeiras no primeiro tempo.

E a vitória poderia ser ainda maior, já que o árbitro Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza ignorou pênalti claro de Fernando Prass em Willian Pottker – uma tesoura por trás do goleiro no atacante.

O jogo da volta será no próximo sábado, na arena do Palmeiras, às 19h. O Palmeiras precisará vencer por quatro gols de diferença para se classificar. Se ganhar por três, a decisão da vaga vai para os pênaltis. O critério de gol fora de casa não é levado em conta no Paulistão.

Liderada por Willian Pottker, a Ponte mandou na partida. O atacante, aliás, merece um destaque à parte: impressionante o que tem jogado. Sua importância para a Macaca não se resume aos gols (o que já seria muita coisa, claro), mas também pela forma como lê o jogo e transita por diferentes setores do campo – ora cai pelos lados, ora volta para receber no meio-campo e fazer o papel de um armador. Já negociado com o Inter, Pottker vai fazer muita falta para a Ponte no Brasileirão.
Image title
Image title
Fonte: Com informações do Globoesporte.com

Procurador aceita denúncia e pede anulação de título do Parnahyba

O procurador da comissão disciplinar do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-PI), Fabrício Carvalho, acatou a denúncia do Flamengo-PI, que pediu a anulação da semifinal contra o Parnahyba, no primeiro turno do Campeonato Piauiense, por causa da suposta escalação irregular do atacante Fabiano. O processo foi entregue ao presidente do tribunal, Luciano Benigno, na tarde desta quinta-feira e agora será julgado na comissão. O Parnahyba será oficialmente comunicado para apresentar defesa. No despacho, Fabrício Carvalho pede a eliminação do Parnahyba e que a final do turno seja refeita entre Flamengo-PI e Altos.
Fabrício Carvalho aceitou o argumento do jurídico do Flamengo-PI, que encontrou no regulamento do Campeonato Piauiense uma brecha na redação sobre suspensão automática, quando o atleta leva dois cartões amarelos na partida. Segundo o procurador, a regra específica do estadual é diferente das demais competições.
- Ofereci a denúncia, agora o processo vai se iniciar. A palavra final será dada no julgamento, não é a minha. Fiz uma interpretação literal do regulamento específico do Campeonato Piauiense, que diz que quando o atleta recebe dois amarelos e em seguida o vermelho, o cartão amarelo permanece vigente. Então, não é um argumento absurdo do Flamengo-PI. Se não tivesse fundamento, eu iria arquivar – explicou Fabrício.
O procurador ressaltou que estudou minuciosamente a peça apresentada pelo Fla-PI. Para ele, a consequência lógica seria a eliminação do Parnahyba do turno – pedido também feito ao Tribunal de Justiça Desportiva. Fabrício afirmou que o regulamento foi assinado por todos os times, ou seja, tinham a ciência da regra da suspensão automática.
- Isso é uma denúncia, vale lembrar. Existe sim a possibilidade do Parnahyba perder o título, ele violou o regulamento. O Flamengo-PI viu essa brecha, nos provocou e estamos dando a resposta – disse Fabrício, completando.
- O regulamento do estadual apresenta essa particularidade. No Piauí, há a diferença e foi opção de valer um cartão. Todos os times assinaram o regulamento, que antes de valer foi esclarecido ponto a ponto. Por isso, com essa minha decisão, estou zelando pelo regulamento – concluiu.
ENTENDA O CASO
O artigo 24 do regulamento do Campeonato Piauiense trata sobre a suspensão automática por causa dos cartões amarelos. No parágrafo primeiro, determina que quando um atleta recebe um cartão amarelo durante a partida e, sem seguida, um vermelho direto, este mesmo atleta cumprirá suspensão automática na rodada seguinte e continuará com o acúmulo do primeiro cartão amarelo.
Contudo, no parágrafo segundo, o regulamento determina que, quando um jogador receber um cartão amarelo e posteriormente um segundo cartão amarelo, com a exibição consequente do vermelho, “o cartão amarelo não será considerado para o computo da série de três suficientes para a suspensão automática”. O trecho é diferente do regulamento geral de competições da CBF, que fala em “cartões amarelos não computados”. O curioso é que o regulamento do estadual diz que a regra segue determinação da CBF e FIFA, mas não é o que acontece.
A Federação de Futebol do Piauí (FFP) emitiu ofício ao Parnahyba, após uma consulta formal do clube azulino, dizendo que no sistema da entidade não consta irregularidade de suspensão automática de Fabiano para a semifinal do turno, vencida pelo Tubarão. Para a FFP, que organiza o campeonato, o clube jogou a semifinal legal.
LINHA DO TEMPO: ESCALAÇÃO DE FABIANO
Fabiano recebeu o primeiro cartão amarelo no campeonato dia 18 de fevereiro, na terceira rodada do turno, na partida entre Picos e Parnahyba, disputada na Cidade Modelo. Na rodada seguinte, o jogador recebeu dois cartões amarelos no duelo com o Piauí e, em seguida, o vermelho. Por conta da expulsão, o camisa 9 cumpriu suspensão automática na 5ª rodada.
Depois de cumprido o gancho, Fabiano voltou a jogar e foi novamente punido com um cartão amarelo, mas na 7ª rodada, no jogo entre Parnahyba e Flamengo-PI, no litoral. De acordo com o Leão, o jogador teria acumulado, nesta ocasião, o terceiro cartão amarelo na temporada e que forçaria uma nova suspensão. Contudo, Fabiano foi escalado na semifinal – jogo seguinte – diante do próprio Flamengo-PI, em Teresina. Pela lógica do Fla-PI, Fabiano jogou com três cartões amarelos. O Parnahyba diz que o atacante tinha computado dois.
O QUE DIZEM OS PRESIDENTES
Tiago Vasconcelos, do Flamengo-PI: “Quem decide é TJD-PI. Vimos a brecha no regulamento, o entendimento do nosso corpo jurídico é que estamos corretos no que estamos pleiteando. Se nós temos a lei ao nosso favor, o regulamento nos aparando, vamos pleitear. É natural, acontece. Queremos que o time ganhe dentro de campo, mas não seja prejudicado fora. Se baseando pelo regulamento esteja nos prejudicando, vamos trabalhar para o Flamengo-PI não ser prejudicado”.
Batista Filho, do Parnahyba: “Ele quer criar terror. Vejo como uma atitude irresponsável. Até o prazo para recorrer é de três dia antes da partida. Ai fica o cara provocando um tumulto desse. Ele diz que está defendendo o clube dele, mas está tumultuando o campeonato. O sistema da federação e da CBF acusa quando o jogador que está irregular. Não tem como jogar suspenso. Ele está argumentando porque o regulamento tem um trecho no singular. Mas é totalmente claro”.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Folha de Parnaíba, Blog do Pessoa, Portal do catita,