,

,

.

.

Se eles não sabem tornar a Previdência superavitária, eu sei, diz Lula


Em seu discurso durante a inauguração simbólica da transposição do Rio São Francisco, em Monteiro, na Paraíba, o ex-presidente Lula criticou a reforma da Previdência e o discurso do governo de um déficit bilionário no fundo como justificativa para realizar as mudanças. Segundo o petista, em sua gestão a Previdência era superavitária porque ele gerou “22 milhões de empregos”.

“Esse governo que está aí, que não deveria estar, não tem noção do significado da aposentadoria rural para o povo. Se eles diplomados não sabem tornar a Previdência superavitária, peçam um conselho pois eu sei como faz", disse.

Lula bradou ainda que ele foi o primeiro a pensar na transposição do Rio São Francisco. “E não é porque eu sou bonzinho. É porque eu já carreguei lata d'água na cabeça. Tenho muito orgulho de ter tido a coragem de ter iniciado esse projeto. Nós somos pai, mãe, irmão, tio e sobrinho da transposição das águas", prosseguiu.

O petista também se defendeu das acusações de corrupção, classificadas por ele como perseguição política com o intuito de barrar sua candidatura à Presidência em 2018. "Eles peçam a Deus para eu não ser candidato. Porque se eu for é para ganhar e trazer de volta à alegria deste país”, completou.

A ex-presidente Dilma Rousseff (PT), por sua vez, acusou Michel Temer (PMDB) e aliados de tentarem usurpar a paternidade da obra. "A cara de pau que eles têm de falar que fizeram essa obra é a mesma cara de pau de quem fez um impeachment sem crime de responsabilidade. Até as pedras deste país sabem que eu não cometi nenhum crime e que o golpe foi contra direitos. Esses que deram um golpe baseado em uma mentira agora querem tirar os direitos conquistados nos nossos governos", discursou.

Fotos: Reprodução/twitter
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
MATÉRIA RETIRADA A PEDIDO DA VÍTIMA
Folha de Parnaíba, Blog do Pessoa, Portal do catita,